IAP

27/11/2018

Associação de Moradores conduzirá visitantes no Parque de Vila Velha

A entidade foi vencedora do edital e atuará com guias e condutores de ecoturismo no Parque Estadual de Vila Velha. O termo de autorização tem duração de um ano, com direito à renovação.

 

O Instituto Ambiental do Paraná (IAP) autorizou a Associação de Moradores de Vila Velha (Amorvive) a ser responsável pela condução de visitantes no Parque Estadual de Vila Velha, em Ponta Grossa, nos Campos Gerais. O edital de chamamento público foi aberto no mês de agosto e a instituição foi a única inscrita e ganhadora do edital. A autorização foi dada sexta-feira (23).

O termo autoriza a Amorvive a exercer atividades de recepção, condução de visitantes e educação ambiental como forma de apoio às atividades de uso público do parque. Também oferecerá todo suporte aos visitantes, como acesso às informações locais e de segurança, ajudando a manter o controle e biodiversidade do parque.

É de responsabilidade do IAP, a sinalização apropriada de atividades e acessos do parque e avaliação contínua das ações da entidade autorizada, por meio de questionários aos visitantes.

ASSINATURA - Para a assinatura do termo de autorização, estiveram reunidos o diretor do Departamento de Biodiversidade e Áreas Protegidas do IAP, Guilherme Vasconcellos; o gerente do Parque Estadual de Vila Velha, Juarez Bascoski, e a Presidente da Associação de Moradores de Vila Velha, Fernanda Haura. O termo tem duração de um ano e pode ser renovado.

A Associação de Moradores de Vila Velha é uma comunidade local que sempre esteve presente no Parque de Vila Velha. "É uma tarefa de muita responsabilidade e competência. Há muito tempo lutávamos por essa conquista, que agora se torna realidade", disse Fernanda Haura

CHAMADA PÚBLICA - A medida faz parte do projeto Parques do Paraná – Conhecer para Conservar, criado pela Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos em 2015. "O processo foi aberto com a ideia de criar novos modelos de gestão para as Unidades de Conservação do Paraná”, explica Guilherme Vasconcellos. “Buscamos parcerias com a iniciativa privada e associações que ajudem na conservação da biodiversidade. A Amorvive cumpriu todos os requisitos”, explicou.

LEGISLAÇÃO - As normas e procedimentos para exercício das atividades na Unidade de Conservação estão estabelecidos na Portaria nº 074/218, e o seu descumprimento poderá se resultar em punição à entidade.

PARQUE - Tombado pelo Patrimônio Histórico e Artístico Estadual, o Parque Estadual de Vila Velha é uma das maiores Unidades de Conservação do Estado, com três grandes atrativos espalhados em seus 18 quilômetros quadrados: Arenitos, Furnas, Lagoa Dourada.

SERVIÇO
Parque Estadual Vila Velha
Localização: BR-376, km 515 - Jardim Vila Velha, Ponta Grossa
Dias de visitação: De quarta à segunda -feira, finais de semana e feriados
Horário de visitação: Das 8h30 às 15h30, com permanência permitida até as 17h30
O Parque fecha ao atingir a capacidade máxima (800 pessoas por dia)
Ingressos: R$ 10 para Arenitos e R$ 8 para Lagoa Dourada e Furnas, além do valor do guia que deve ser contratado diretamente
Agendamento: (42) 3228-1539 ou pelo e-mail pevilavelha@iap.pr.gov.br



Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governopr e www.pr.gov.br

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.

Captcha Image Carregar outra imagem