IAP

20/12/2018

IAP e prefeitura de Curitiba formalizam convênio para cuidados com animais silvestres

A governadora Cida Borghetti formalizou nesta quarta-feira (19) um convênio com a prefeitura de Curitiba, por meio do Instituto Ambiental do Paraná (IAP), para que o Município passe a receber animais silvestres oriundos de apreensão de ações de fiscalização. O convênio prevê repasse de R$ 300 mil, em dois anos, para ser utilizado na aquisição de medicamentos, alimentos e materiais para identificação dos animais, como anilhas e microchips.

O convênio será colocado em prática a partir do próximo ano. “É uma parceria que vai proteger nossos animais, que passam por inúmeras situações que colocam suas vidas em risco”, disse a governadora.

Os animais deixarão de ser recebidos na sede do IAP, em Curitiba, passando a ser recepcionados pelo corpo técnico da prefeitura, em uma estrutura mais adequada. “A partir desse convênio, portanto, nós vamos ter um lugar próprio para destinar esses animais apreendidos, pois eles geralmente chegam machucados e com estresse e precisam de muitos cuidados”, disse o diretor-presidente do IAP, Luiz Carlos Manzato.

Além de receber os animais silvestres apreendidos em ações de fiscalização e entregues de forma voluntária pela população em geral, a equipe da prefeitura também fará a triagem para verificar se estão aptos a voltarem para a natureza. Segundo o prefeito de Curitiba, Rafael Greca, o local utilizado para o cuidado dos animais será o Museu de História Natural do Capão da Imbuia. “Lá vamos acolher a fauna apreendida”, afirmou.

Os animais que estiverem machucados ou doentes vão continuar sendo encaminhados para hospitais veterinários parceiros. Nos casos em que não possam ser devolvidos à natureza, eles serão destinados à instituições de fauna licenciadas pelo IAP, preferencialmente Institutos Conservacionistas e Mantenedores de Fauna Silvestre.

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.

Captcha Image Carregar outra imagem