Ambiental

15/06/2020

Governo lança selo de proteção à fauna

Reedição do Selo Amigo da Fauna e lançamento do Programa Aliança Pró-Fauna representam marco histórico na relação entre o poder público e atores que atuam com fauna silvestre.  

 

O Instituto Água e Terra lança o Programa Aliança Pró-Fauna, direcionado aos espécimes da fauna nativa, e reedita o Selo Amigo da Fauna, um rótulo ecológico de incentivo às instituições públicas ou privadas.

As iniciativas são de reconhecimento aos parceiros existentes e abrem a possibilidade para que mais paranaenses possam colaborar com a proteção da fauna silvestre no Estado.

O Projeto Aliança Pró-Fauna vai permitir a expansão do atendimento aos espécimes vítimas de ações ilícitas como comércio ilegal, cativeiro irregular, tráfico de animais e maus-tratos. Já o Selo Amigo da Fauna, totalmente recriado, é uma marca dos atores que apoiam ou praticam medidas de proteção e conservação da fauna silvestre.

Os dois mecanismos fazem parte de uma série de ações de reconhecimento aos parceiros do Instituto Água e Terra, no escopo das iniciativas Pró-Fauna, estabelecidas pelo Governo do Paraná. Representam um novo modelo de gestão e conservação de fauna silvestre em condição ex situ e in situ (dentro e fora do ambiente natural, respectivamente).

O secretário estadual do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo, Márcio Nunes, ressalta que o Governo do Paraná é pioneiro em ações que envolvem a preservação da fauna.

“Desde o início dessa gestão, temos reforçado a implementação de políticas direcionadas à proteção e ao acompanhamento da fauna, valorizando as parcerias, pois sem elas nossas ações são dificultadas”, salienta.

O presidente do Instituto Água e Terra, Everton de Souza, esclarece que o Projeto Aliança Pró-Fauna concilia a dificuldade de destinação de determinados grupos de animais silvestres que, após avaliação técnica, não são considerados aptos a retornar para a natureza, sendo a manutenção em cativeiro a opção mais viável.

“Determinadas pessoas têm interesse em manter, ajudar e cuidar desses animais, mas não possuem a vocação de atuarem como criadores comerciais, conservacionistas ou zoológicos”, diz. “O Selo foi a forma que o Instituto Água e Terra encontrou para reconhecer as instituições ou empresas que atuam como parceiras nesse processo de conservação da fauna nativa silvestre”, acrescentou.

ALIANÇA PRÓ-FAUNA – O objetivo do Aliança Pró-Fauna é fazer com que os interessados adotem e coloquem em prática os projetos de manejo de fauna elaborados pelo Instituto Água e Terra, obtendo para tanto a licença ambiental simplificada, conforme as diretrizes da Portaria IAP nº 246/2015. Desta forma, o órgão ambiental disponibilizará os projetos e planos de trabalho com as diretrizes para o manejo dos planteis.

O interessado em licenciar-se como um Mantenedor de Fauna vinculado ao Aliança Pró-Fauna deverá manifestar formalmente seu interesse em participar do Projeto, e, consequentemente, firmar termo de cooperação junto ao órgão ambiental.

A bióloga e doutora em Conservação da Natureza e coordenadora Setor de Fauna do Instituto Água e Terra, Gisley Paula Vidolin, lembra que trata-se de um ato de amor e compaixão pela condição em que se encontram estes animais, associado a uma ação que deve ser planejada e consciente.

SELO AMIGO DA FAUNA – O protocolo existia desde 2009. A nova versão unificou as categorias - ouro, prata e bronze - e traz um novo desenho gráfico.

A emissão do Selo pode ocorrer para reconhecer o apoio logístico, financeiro e técnico-científico às ações do Instituto Água e Terra, de manejo, monitoramento, pesquisa ou fiscalização de fauna.

Os parceiros reconhecidos com o Selo Amigo da Fauna, mediante certificado específico, poderão veicular a marca em materiais promocionais, de divulgação, impressos ou em páginas na internet (websites) da instituição. Também haverá o repasse de placas a serem instaladas nas propriedades.

As organizações, instituições ou empresas interessadas em obter o Selo Amigo da Fauna deverão estar em consonância com a legislação.

CONTATO - Para maiores informações, os interessados em fazer parte das iniciativas e projetos apresentados pelo Instituto Água e Terra deverão entrar em contato com o Setor de Fauna do Instituto Água e Terra pelo e-mail iapfauna@iat.pr.gov.br e telefone (41) 3213-3858.

 

Saiba mais sobre o trabalho da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo em:
https://www.facebook.com/desenvolvimentosustentaveleturismo/

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.

Captcha Image Carregar outra imagem